Lar Santo Expedito

* Quem acolhemos?

O Trabalho do Lar Santo Expedito

A entidade conta com uma equipe de funcionários capacitados para lidar com as peculiaridades e características da demanda, (coordenadora, assistente social, auxiliar de coordenação, psicólogo, monitores, motorista, cozinheiras e auxiliar de serviços gerais). Podemos também contar com os seguintes voluntários: professor de informática, professor de reforço escolar e voluntários no setor de eventos.

Os recursos são conveniados com a prefeitura municipal, que também oferta o aluguel do imóvel, água e luz; a esfera federal com repasse através do município, além da contribuição mensal dos associados da entidade.

O atendimento é feito às crianças e adolescentes, em regime residencial, ambos os sexos, de 0 a 18 anos de idade, respeitando seus direitos à educação, saúde, alimentação, vestuário, lazer, esporte, higiene pessoal, contato social, capacitação profissional e colocação no mercado de trabalho, além de prepará-los para o retorno à família de origem, famílias substitutas ou vida autônoma, focando o trabalho de abrigo no caráter de provisório, trabalhando o fortalecimento da família em situação de vulnerabilidade social e a questão da importância dos vínculos familiares.

O projeto pretende atingir seus objetivos, respeitando-se a capacidade de atendimento e estabelecendo programas personalizados que possibilitem a reconstrução do histórico de vida das crianças e adolescentes atendidos, cujo período de permanência no Abrigo dependerá da evolução e perspectiva familiares, de retornarem a um convívio, e das alternativas viabilizadas para que de fato isso aconteça e do contrário, possibilitar alternativas de convivência familiar para os abrigados.

Público-alvo e Capacidade de Atendimento

A capacidade de atendimento é de 25 (vinte e cinco) indivíduos entre crianças e adolescentes na faixa etária de 0 (zero) a 18 (dezoito) anos, ambos os sexos, vítimas de violência, maus-tratos e abandono, preferencialmente grupos de irmãos. As crianças e adolescentes são encaminhados ao Lar através dos Conselhos Tutelares e Poder Judiciário da Vara da Infância e Juventude de Santos.

PARTICIPE

DOAÇÕES

Anuncie aqui
Av Dino Bueno, 16 - Ponta da Praia - Santos/SP - CEP.: 11.030-350
Telefones: (13) 3284-0631 / (13) 3286-0447